Judeus Sefarditas - Informações e processos

1646567697081

Comentários

  • Raquel_Raquel_ Member

    @lalmeida obrigada pela tua resposta! Nossa vai longe o meu então ainda.. meu processo é 52XXX/2020. Bom saber que tem mais gente nessa situação!

  • Raquel_Raquel_ Member

    @cubasdrummer Obrigada pela resposta! Muito bom saber que esta andando! espero chegar nesse momento da bolinha andando!

  • annekannek Member

    Boa noite, fórum! Pretendo iniciar meu pedido de nacionalidade portuguesa pela via sefardita e espero contar com a ajuda de vcs.

    No final de dezembro resolvi "brincar" no Family Search e em poucas horas de pesquisa minha árvore se conectou a outras e notei várias bandeirinhas com estrela de Davi. Achei curioso mas não dei muita importância. Há alguns dias, por acaso, li sobre a possibilidade de solicitar a nacionalidade portuguesa pela ligação com judeus perseguidos pela inquisição. Na hora lembrei das bandeirinhas no Family Search. Tenho ligação com os Bicudo, processados pela Inquisição portuguesa no século XVI. Já chequei as ligações familiares dos documentos encontrados no site e todas me parecem bem consistentes. Decidi arriscar o certificado da CIL. Estou esperando meu passaporte ficar pronto para organizar e enviar a documentação. Quanto a isso, tenho algumas dúvidas:

    1) O primeiro passo é enviar a documentação via online, certo? No arquivo, além daquela ficha da árvore genealógica, devo inserir a transcrição dos documentos que encontrei no FS, ou posso inserir a imagem digitalizada, com a devida referência (link, data de acesso, origem e data do documento)?

    2) Essa documentação inclui também o processo inquisitorial? Obedece os mesmos critérios acima? Ou posso citar data e local dele? Bom, trata-se de um PROCESSO, seria um calhamaço para transcrever, sem contar o trabalho de paleografia... Minha dúvida vem do fato de que a CIL deve conhecer muito bem essa documentação...

    3) Pelo que eu entendi, a CIL notifica o solicitante em algum momento para o pagamento da doação e o envio por correio da documentação. Quais documentos devo enviar nessa etapa? Todos os anexados no que eu mandei online? Essa notificação significa basicamente que a CIL está apontando que minha solicitação está fundamentada e tem garantia da aprovação final? Poderia acontecer da CIL negar meu pedido após o pagamento e envio dos documentos?

    Realmente não ficaram claros esses pontos para mim. Conto com a ajuda de vcs!

  • moralezmoralez Member

    @annek A certificação pela CIL geralmente é mais complexa do que simplesmente pegar a documentação que está anexada no familysearch, já que o site em si não é meio de prova aceito. Se o antepassado for "certificado" como judeu sefardita, não precisa adentrar muito em documentos de inquisição.

    A maior dificuldade é que é necessário provar o vínculo de TODAS as gerações de seus antepassados. Tem que provar a filiação completa da linhagem, de geração para geração. Alguns documentos provavelmente estarão no familisearch, mas outros não. Essa prova é aceita através de vários documentos, sendo alguns deles mais comumente utilizados, como certificados nobiliarquicos, registros da torre do tombo, inventários, testamentos, certidões de nascimento ou batismo, documentos de universidades, ou até mesmo livros históricos ou trabalhos acadêmicos com credibilidade, que constem a filiação. Reitero, precisa ter toda a linhagem, quer seja 10 ou 15 gerações, toda com comprovação.

    Minha recomendação para você é que procure quem acrescentou os dados de seus antepassados mais próximos, descendentes sefarditas, pois é bem provável que essa pessoa já possua documentação, ao menos em parte (possivelmente não anexada no FS).

    O processo da montagem da árvore genealógica e dos documentos não é complicado, mas se não estiver seguro de fazer sozinho, recomendo contratar despachantes/advogados especializados. A CIL pode te comunicar que há alguma pendência, o que te permite "correr atrás" e retificar, ou mesmo negar o pedido sem devolução do valor, já que o "donativo" é feito antes da análise dos documentos digitalizados.

  • annekannek Member

    @moralez Obrigada pela resposta!

    Tenho ciência disso tudo. Como disse, chequei toda a documentação de minha árvore que foi postada no FS, inclusive fora (Arquivo da Torre do Tombo, bibliografias, etc, na medida do possível). Minha dúvida está na forma de APRESENTAÇÃO dessas fontes. A CIL aceitaria a reprodução dos originais SEM transcrição do conteúdo? Já trabalhei com paleografia e é uma tarefa muito cansativa quando analisamos caligrafias de tantas diferentes pessoas que assentaram os documentos...

    Não pretendo contratar serviços de genealogista ou de escritórios, pois tenho condições de fazer sozinha. Sou historiadora, minha profissão envolve ler documento antigo, então seria divertido fazer as transcrições corretamente, porém demandaria muito tempo. Portanto, quero saber se é algo realmente necessário, ou se é válido colocar a reprodução microfilmada que encontramos no FS (ou se é necessário solicitar uma cópia, a exemplo do que fazemos quando pedimos 2ª via nos cartórios) com a devida referência bibliográfica.

    Procurei por alguns modelos e não encontrei nada que sane minha dúvida.

  • moralezmoralez Member
    editado April 8

    @annek No meu caso enviei os arquivos originais (foto, microfilme, pdf, etc) e transcrevi apenas as partes que interessavam a comprovação do vínculo e natureza do documento, não o documento inteiro, a exceção de alguns poucos que nem tive que mexer já que estavam legiveis. Obviamente citando a fonte ao fim.

  • editado April 10

    O meu processo em caráter de urgência está há 3 semanas e meia na fase do despacho do ministério da justiça, preciso da cidadania para não precisar mais renovar meu visto de estudante na Alemanha, no entanto o processo não sai dessa fase e eu estou tão desanimado com o desenrolar disso que as vezes eu penso que não vai dar certo e que todo esse processo, esforço e gastos foram em vão, estou um pouco desanimado. Quanto tempo tem demorado para aprovação do ministério da justiça?

  • Gente, se alguém puder me ajudar com uma dúvida eu agradeceria.

    Dia 30 de março meu processo passou para a bolinha 2 depois de quase 10 meses na ACP, quanto tempo leva geralmente para sair dessa etapa?


    Muito obrigado gente!

  • @viniciusfreitas94 como foi seu proceso de urgencia, eu di entrada na urgencia ja faz 3 semanas , mas ainda esta na primeira fase , o seu demoro muito pra mudar de fase ? alguma dica pra fazer que avance mais rapido? eu estou com uma oferta de trabalho

    sera que ligar na cosevatoria pode ajudar a que meu proceso avance mais rapido ?

    Muito obrigada

  • Oi gente, tudo bem?

    Essa semana fiquei muito feliz que finalmente o relatório está pronto para mandar para a CIL. Sei que é um negocio lento, mas a ansiedade está a mil. Vocês sabem me dizer quanto tempo está levando o processo todo? no caso, desde a pré-analise até a emissão do certificado

  • Tem uma planilha de acompanhamento de processo:



    Não tem lógica no tempo da CIL, mas o que tenho visto são 2 meses pra pré-análise mais 4 meses para emissão do certificado, um total de 6 meses. Lembrando que é média... o tempo varia de 2 a 12 meses.

  • @CAMILLAPC Olá, Camilla! Com quanto a CIL deu o okay depois que você enviou o comprovante de pagamento do donativo? Aliás, eles dão e-mail confirmando afinal?

  • Olá pessoal, sou novo aqui no fórum e ainda vou dar entrada no meu processo. Já fiz a árvore genealógica, assim como já obtive o Certificado da Comunidade Judaica Portuguesa. Mas antes de dar entrada e pagar a taxa de 250 euros, eu gostaria de tirar uma dúvida com relação à documentação realmente exigida. Lhes falo isso, pois após pesquisar vários sites, dentre eles esse e os oficiais de Portugal e de seus consulados, havia divergência nos documentos solicitados conforme vou lhes mostrar abaixo,

    No site do Consulado Geral de Portugal em São Paulo e Rio de Janeiro, descrevem os documentos abaixo listado:

    1. Certificado da Comunidade Judaica Portuguesa (ou documento equivalente, ver acima como obter);
    2. Certidão de nascimento do requerente, em Inteiro Teor e emitida há menos de um ano e devidamente apostilhada;
    3. Certidão de Nascimento por fotocópia do livro de registos de nascimento do requerente, emitida há menos de um ano e devidamente apostilhada (atenção: é necessário que a cópia esteja legível e clara);
    4. Atestado de antecedentes criminais brasileiro Para obtê-lo, clique aqui;
    5. Cópia autenticada e apostilhada da carteira de identidade (RG). Se este não for recente, juntar também cópia autenticada do passaporte (somente as página das quais conste assinatura, foto e identificação);
    6. Atestado de antecedentes criminais de todos os países em que tenha morado após ter completado 16 anos, se for o caso, acompanhados de tradução, se escritos em língua estrangeira (o interessado está dispensado de apresentar o certificado de registo criminal português, que é oficiosamente obtido pelos Serviços)

    Já no site do Consulado de Portugal em Porto Alegre, além de pedir esses documentos acima relacionados pede também:

    • os 3 últimos comprovantes de residência

    Preciso enviar a comprovação de residência?

    No site do Consulado de Portugal no Recife, além de pedir esses documentos acima relacionados pede também:

    • Certidão de antecedentes criminais emitida a menos de 90 dias pela Polícia Federal, com assinatura do escrivão e reconhecida em cartório notarial.

    Tal exigência de assinar e reconhecer firma é necessária ou apenas o documento emitido pela DPF no site já é o suficiente?

    Também vi neste fórum a informação que além da cópia da Identidade também se fazia necessária a cópia completa do passaporte autenticado e apostilado. Realmente é preciso?

    Diante dessa infinidade de informações existentes, gostaria de saber o que realmente devo enviar, pois não quero ter que ficar a posterior com um processo parado e necessitando de tal documento, assim como também quero evitar gastar dinheiro atoa, tendo em vista que apostilar documentos não é tão barato assim. Se alguém puder me ajudar agradeceria muito.

  • moralezmoralez Member

    @Marco_Bezerra Os consulados apresentam informações desencontradas mesmo, por isso recomendo se basear nos documentos exigidos pelo site do ministério da justiça português: https://justica.gov.pt/Como-obter-nacionalidade-portuguesa/E-descendente-de-judeus-sefarditas-portugueses

    A certidão de antecedentes não precisa mais de firma reconhecida nem apostila se tiver validação online: (https://forum.cidadaniaportuguesa.com/discussion/comment/244462#Comment_244462)

    Também não é necessário comprovante de residência: (https://forum.cidadaniaportuguesa.com/discussion/comment/244747#Comment_244747)

    Imagino que tenham pedido o comprovante de residência para comprovar que você é residente na circunscrição do consulado, se der entrada por lá.

  • @moralez muito obrigado por sanar as minhas dúvidas. Realmente eu estava seguindo as diretrizes do site da Justiça de Portugal, mas queria só ter certeza que seria só essa documentação mesmo para evitar imprevistos ao envia-los.

  • @Marco_Bezerra Opa, fala aí amigo!

    Me mande seu e-mail que eu te mando um check-list da Conservatória de Lisboa, eu fiz o processo Sefardita e mandei depois a documentação pra Lisboa, deu tudo certo, já sou português naturalizado, é uma benção Eu mandei sim 3 comprovantes originais, (3 últimos) da minha conta de água como por exemplo. Do passaporte apenas a cópia da página da foto autenticada e apostilada. Me mande seu e-mail que eu te mando o check-list! Parabéns por ter sido reconhecido pela via Sefardita. Quem foi seu ancestral? O nosso foi pela LEONOR HENRIQUES.

  • ALageALage Member

    @glcossalter blza? Quanto tempo demorou seu processo? Cara enviei a papelada para a CRC em jul/20 e recebi a chave em ago/20. Tudo parado! Bola 1! Hehehe ansiedade é dureza!

  • @ALage Opa, bom dia! Sim, sei como é essa ansiedade, mas vai dar tudo certo. Que bom que você recebeu a chave para acompanhar!

    Aos poucos avança. Eu pude conseguir antes pois após 5 meses eu solicitei urgência em meu caso pelo fato de ser aposentado(desejo de em um futuro morar em Portugal) e pelo fato de ter um filho especial que comentei que pra ele seria bom pra saúde e educação dele no futuro, ...apresentei diversos laudos, atestados, etc, e fomos atendidos! Pessoas que tem proposta de trabalho creio que também estão conseguindo.

    Boa sorte amigo e vai nos informando cada etapa!

  • @ALage A boa noticia amigo é que depois que sair a tua cidadania você pode imediatamente solicitar de teus filhos pelo artigo 2º, não precisa provar laços afetivos, eles são pequenos, se menores de 14 anos melhor ainda, o meu tem 16, criança especial e vou pedir em uns 50, 60 dias mais ou menos, estou preparando a papelada. Tenho amigos que já conseguiram a cidadania para os filhos depois que se naturalizaram, o artigo é o 2ª. A gente vai fazendo e informando aqui. E depois que sair a dos filhos, pedir imediatamente pra esposa e só precisa ter 3 anos de casados, mas antes de pedir para os filhos e esposa, deves transcrever o casamento civil brasileiro em Portugal, é justamente nessa fase da trasncrição que estou nesse momento! Boa sorte amigo!

  • @CAMILLAPC bom dia Camila, seu casamento conta já a partir da data de seu casamento pra depois passar para o seu esposo, e como vcs tem filhas, somente 3 anos já é suficiente. Vc precisa depois de sair tua nacionalidade pela Via Sefardita TRANSCREVER esse casamento em Portugal, um outro mini processo, é o que estou fazendo agora. Vai acompanhando aqui que iremos atualizando os casos. |E depois de fazer a transcrição já peça a nacionalidade de suas filhas e por último a do esposo. Pra elas não vão pedir vínculos e para seu esposo essas suas filhas são a prova de ligação de seu esposo com Portugal, pois elas já serão portuguesas antes dele!! isso que estou fazendo agora.

  • CAMILLAPCCAMILLAPC Member

    Daniel,

    depois que fiz o pagamento a CIL, com aproximadamente 3 dias eles me enviaram um recibo de pagamento por email, confirmando o recebimento do donativo!

  • CAMILLAPCCAMILLAPC Member

    @glcossalter , muito obrigada pela resposta precisa! Não sabia como fazer.

    Cheguei até a pensar que o meu processo "nao ia servir para as milhas filhas" ( o objetivo de tirar a minha cidadania foi pensando nelas, no futuro delas)! Tava meio cabisbaixa com isso!! Fiquei feliz agora!

    Com certeza irei acompanhar mais ainda o forum! Quero entender o desenrolar do processo todo!

    Se vc puder me enviar a listagem dos documentos exigidos pela Conservatoria, te agradeco muito tb: chaves.camilla@gmail.com

    Estou com mais uma duvida: depois de recebido o certificado da CIL (a minha foi atraves da Branca Dias), e juntada toda a documentação, é necessario entregar essa papelada lá na Conservatoria em mãos? (doida pra "ter que ia em Portugal entregar" kkkkkk)

    Pode ser atraves de despachante? ou posso da entrada no processo via online?


    Obrigadaaaaa

  • @CAMILLAPC Boa noite Camila,

    Não precisa ser pessoalmente, você faz tudo antes, prepara a documentação, não pé complicado, faz o pagamento por cartão de crédito, recebe um comprovante, preenche, autentica, etc...não precisa usar despachante, eu fiz sozinho e com ajuda de duas primas a gente conseguiu, eu ajudo no que der por aqui ou por e-mail. Vou te enviar primeiramente o check-list pra vc ver, não é difícil e nas dúvidas eu vou ajudando na medida do possivel, Claro, tem os custos de vc produzir alguns documentos e depois sugiro enviar sempre pela DHL, custa entre 200 e 250 Reais

    pra enviar, bem seguro e garantido. Não precisa ser pessoalmente, caso vc morasse em Portugal sim, mas não faz diferença, a gente usa esses correios particulares que são muito bons! Não desanime, o pior você já tem, conseguir teu Certificado, meus parabéns e que bacana conhecer uma descendente da Branca Dias. Eu sou descendente da LEONOR HENRIQUES, ela tem uma história incrível também! Em seguida te mando o check-list no teu e-mail,. Fique feliz sempre, essa cidadania é um privilégio e vc poderá sim passar para suas filhas e esposo com o devido tempo!!!!

    Falamos.

  • CAMILLAPCCAMILLAPC Member

    @glcossalter ,


    obrigada pela disponibilidade e esclarecimentos! Só ratificando o email: chaves.camilla1@gmail.com

    Boa sorte com seu processo e que ele seja rapido!!!

  • @CAMILLAPC Depois que você preparar a documentação e mandar por DHL pra Portugal, em seguida vc recebe uma chave de acesso e você

    começa a acompanhar sim seu processo on line, são 7 fases, as famosas "bolinhas" verdes, a gente fica ansioso mas é uma alegria cada etapa cumprida! Você vai ver, é só se organizar que tudo dará certo, a gente vai se informando por aqui e se ajudando, pode deixar! Abraços

  • @CAMILLAPC Já mandei de novo para o e-mail informado por último! falamos amanhã qualquer coisa rsrsrsrs

  • ALageALage Member

    @glcossalter muito obrigado pela mensagem. Eu tenho gêmeas de 9 anos e uma pequena de 2, e sim, o objetivo final é dar uma opção para elas com a naturalização, e como você disse, vai dar tudo certo. Depois nos posicione sobre o processo do seu filho. Boa sorte! Abs.

  • @ALage Claro, vamos trocando informações. Para as crianças depois que sair tua naturalização, vc faz de acordo com o artigo 2º, vou deixar o link aqui: Instituto dos Registos e Notariado: Modalidade de Pagamento art. 2 (mj.pt)

    É o processo feito para filhos de pais que se Naturalizaram depois do nascimento dos filhos!!!! É o que estarei encaminhando para meu filho que tem 16. Me Naturalizei em março último.

    Estou no momento no início do processo de TRANSCRIÇÃO de meu casamento civil ocorrido no Brasil, estou fazendo em Ponta Delgada. Se vc é casado no civil, deverá após sua naturalização também fazer essa TRANSCRIÇÃO antes de providenciar seu Cartão de Cidadão e depois passaporte. E se vc tem mais de 6 anos de casados sua esposa nem precisa mais comprovar a ligação afetiva com Portugal, mas não vi ainda nenhum caso de um exemplo assim, de um casal que tenha filhos, dai o Naturalizado tenha feito a cidadania para a esposa, normalmente o pessoal faz após sair uma Naturalização, faz a dos filhos e por último a da esposa. Importante saber se o casamento já tem 3 anos e com filhos é um processo e se tiver 6 ou mais é por outro. É mais ou menos isso que tenho visto.

    Para o processo da esposa, o artigo é 0 3º: Instituto dos Registos e Notariado: Aquisição da Nacionalidade - artigo 3º (mj.pt)

    Até 2020 não tinha muita informação, mas nesse ano as informações avançaram, os amigos começam a fazer os processos e o exemplo de cada um vem sendo dividido comigo, assim aprendo e posso dar algumas dicas.

    Vamos acompanhando por aqui. Boa sorte na jornada!

  • CAMILLAPCCAMILLAPC Member

    @glcossalter, recebi teu e-mail! Obrigada mais uma vez!

  • ALageALage Member

    @glcossalter muito obrigado pelas ricas informações. Abs.

Entre ou Registre-se para fazer um comentário.