Atribuição de Nacionalidade para Netos - Lei 37/81 (atualizada 2020/22) - Processos e Acompanhamento

15681011520

Comentários

  • @wsteles entrei no site da livraria cultura e não consta o lançamento do livro que vc mencionou.
    https://www.livrariacultura.com.br/loja/livraria-cultura-cine-vitoria-2100006
  • @wsteles
    Os números divulgados são referentes aos processos já numerados, isto é, em julho foram numerados 16 processos, em agosto 25, em setembro 48 e em outubro 690. Quem enviou o processo por correios em julho teve o processo numerado apenas em outubro (meu caso), essa é a razão pela qual a quantidade de processos numerados em outubro é significativamente maior que os três meses anteriores.
    Não existe diferenciação entre o pedido de neto já naturalizado e neto que não é naturalizado. Todos os netos possuem o mesmo direito e preenchem o mesmo formulário. Os 779 processos mencionados correspondem ao número total de netos que deram entrada até outubro (convolantes ou não).
  • @wsteles valeu pelo comentário sobre o evento gostaria muito de ir.Vou procurar saber direitinho.Como faz para ser sócio?E os $$$ são muito caros??
  • @wsteles Estou devendo as informações sobre o processo 1-D Lá vai. Enviado por Fedex, recebido em 29/8/17.Numeração 521XX/17. Recebi e-mail informando a numeração em 06 de novembro.Ligação : 5 e tb 0. Fase: Depois de saber o número em novembro não sei se o processo evoluiu. Não tive comunicação de indeferimento sumário ou pendências.Pretendo ligar em Janeiro.
  • @wsteles
    De algum modo a CR Centrais numerou em julho alguns processos que foram entregues pessoalmente. Do mesmo modo, nos meses de agosto e setembro também foram numerados outros processos entregues pessoalmente. Quem enviou o processo pelos correios no mês de julho teve o seu processo numerado apenas em outubro. Leia o tópico de acompanhamento dos processos dos netos já naturalizados e você irá constatar que o pessoal que enviou por correios no mês de julho (bem mais do que 16 pessoas) começou a ser informado do número do respectivo processo somente na metade do mês de outubro (a demora da CR Centrais não é novidade para ninguém).
    Você acha que 779 processos é pouco para os 3 primeiros meses? Eu vejo esse número com a maior naturalidade, pois muitos estão aguardando os primeiros despachos para saber como vai ser o posicionamento do Governo Português. O início sempre traz insegurança.
    O seu equívoco é pensar que existe duas categorias de nacionalidade para netos. Na realidade, um único setor da CR Centrais irá analisar os processos dos netos já naturalizados e também dos netos que estão a pedir a nacionalidade portuguesa pela primeira vez. Todos os netos "estão no mesmo saco".
  • Prezados
    Liguei na LR a conversei quase 15 minutos com a Isabel, ela disse que os processos de netos novos e os de convolução estão sendo tratados em separado.
    Disse que os netos da lei antiga já são Portugueses e por isso o tratamento é muito diferente, apesar de estarem usando o mesmo artigo da lei.
    Toda a contabilização dos processos é feita em separado.
    Isso bate com as informações que eu entendi da Sra Lurdes.
    Com isso podemos também deduzir que os números a que a Sra Lurdes se referiu são referentes aos netos novos.
    Bom dia a todos!!!!
  • Olá todos....Para diminuir a ansiedade e ficar bem claro....A maioria dos processos 1-D cairá nas mãos do Ministro da Justiça, o que certamente fará que os processos levem mais tempo que o usual. Minha opinião pessoal é que esses processos não levarão menos de um ano para conclusão.
    Abraços a todos.

    https://dre.pt/web/guest/pesquisa/-/search/107541407/details/maximized?filterEnd=2017-12-18&res=pt&filterStart=2017-06-01&q=nacionalidade+netos&fqs=nacionalidade+netos&perPage=25&fq=nacionalidade+netos#resumo-claro

    Segue transcrição de trecho do artigo referente ao link acima, do Diário da República:

    Netos de portugueses

    A Conservatória dos Registos Centrais pode reconhecer automaticamente a existência de laços efetivos à comunidade portuguesa se a pessoa nascida no estrangeiro e neta de portugueses cumprir uma destas condições:

    viver legalmente em Portugal há três anos ou mais, estar inscrita nas Finanças e no Serviço Nacional de Saúde (SNS) ou nos serviços regionais de saúde, e provar que está a estudar em Portugal ou que conhece a língua portuguesa

    viver legalmente em Portugal há cinco anos ou mais e estar inscrita nas Finanças e no SNS ou nos serviços regionais de saúde.

    Nos casos em que não é possível reconhecer automaticamente a existência de uma ligação efetiva à comunidade portuguesa, a Conservatória dos Registos Centrais encaminha o processo para a/o ministra/o da justiça, que decide se essa ligação existe ou não.

  • Pessoal Boa noite, estou nos procedimentos finais na montagem do processo do meu pai como neto, estou com dúvida no itens abaixo:

    - Certidão de antecedentes criminais da policia federal, emitida há menos de 90 dias (se for pelo site não precisa ser apostilada) - fiquei na dúvida total, em alguns locais dizem que tenho que apostilar, aqui diz que pelo site, seria o site da PF brasileira, não precisa autenticar?
    - Cópia do RG ou passaporte (se contiver a filiação) do requerente, autenticada em cartório, apostilada - O RG do meu pai é de 1977 a emissão, teria algum problema?
    - Requerimento preenchido (1D), com assinatura reconhecida presencialmente no consulado português, ou por autenticidade em cartório - Não precisa apostilar o formulário? posso fazer esta autenticidade em um cartório que meu pai possua firma ?
    - Outra dúvida seria sobre a certidão de casamento do Avô do meu pai? é necessário apresentá-la? é necessário transcrever? preciso apostilar tbm? ele casou no Brasil.

    Desde agradeço!!!



  • Gente eu revi o vídeo de novo,eu entendi certo quando a senhora disse que processos entregues pessoalmente é mais rápido dos que enviados pelo correio?Será que entendi errado?
  • @wsteles
    Oi. Poderia me ajudar na questão "certidão de casamento"? No caso meus avós nasceram e casaram em Portugal e apenas depois vieram para o Brasil onde tiveram os filhos. É preciso apresentar a certidão de casamento deles? Estou fazendo o pedido apenas em nome do avô, pois foi apenas o documento dele que conseguimos encontrar.
    Obrigada
  • editado December 2017
    @Deneise, seus avós casaram em Portugal e vc ta fazendo q tipo de processo?
  • @Deneise eu fiz apenas pelo meu avô não precisei apresentar a transcrição de casamento dele. Meu processo já foi concluído com êxito. Espero ter ajudado.
  • @cidabribeiro o que vc mandou de documentos pra comprovar laços efetivos ?
  • Bom dia, apenas para posicionar a chegada de mais um processo em Lisboa, segundo o Correio Português meus documentos foram entregues hoje na CRC, processo de neto e ligação efetiva do tipo 0, apenas ligações familiares, viagens antigas a Portugal, conhecimento da língua e cidadão brasileiro, acrescentei que após me aposentar pretendo me transferir para lá.
    Agora é aguardar, o que pelo que tenho visto não será pouco tempo.
  • Foram apenas 2 viagens e que aconteceram há muito tempo (97 e 99), na minha opinião nem devem ser consideradas, mas como aconteceram de fato, inclui fotos e tickets de lá.
  • @Fatima meu processo foi pela antiga 6.4 da LN , não eram exigidos laços efetivos.
  • Boa tarde a todos. Vi que algumas pessoas mencionaram adicionar uma carta declaração de que querem ser portugueses além do fomulário 1D. Vocês poderiam compartilhar o modelo ou as informações adionadas. Estou redigindo uma para dar entrada no processo de minha mãe.
    Obrigada desde já
  • @mcarolinacps Essa carta é desnecessária, tendo em vista que o próprio preenchimento do 1-D já é a declaração de que quer ser português. Teve um colega forista que fez esta carta, mas a maioria manda sem.
  • mcarolinacpsmcarolinacps Member
    editado December 2017
    Obrigada @MarcoMadeira, mas vou fazê-la mesmo assim, pois minhas ligações com a CP não estão dentro dos quesitos.
  • LarahLarah Member
    editado December 2017
    @wsteles Gentileza atualizar número do processo do meu esposo 603XX/17 fase 2,esqueci de confirmar a data porém foi essa semana pois na semana passada liguei e ainda não haviam numerado.
  • @mcarolinacps
    Dê uma olhada nessa curiosa carta que alguém fez no passado e que deu certo:
    http://forum.cidadaniaportuguesa.com/discussion/comment/117612/#Comment_117612
  • @mcarolinacps,
    o documento onde você alega o desejo que se tornar português é o oficial modelo 1D, neste caso.
  • Olá, gostaria de saber se irmãos, podem "dividir" a documentação para dar entrada ao pedido de nacionalidade portuguesa (netos) ou não.
    Por exemplo:
    certidão de nascimento do progenitor filho do português de inteiro teor e cópia reprográfica seriam necessários dobrados, ou seja, um para cada processo, ou se poderia enviar os dois processos juntos compartilhando as certidões do progenitor.

    Obrigada
  • @gabyferreira, uma certidão independente para cada processo
  • Aproveitando a duvida anterior. Minha mãe e dois tios enviarão seus documentos.

    Existe algum problema se enviarmos um envelope grande, contendo 3 envelopes menores com os documentos de cada um deles?

    Obrigado!
  • @LuisSeabra,
    Pode enviar dessa maneira, já que são processos independentes entre si.
  • Boa tarde! Estou indo para Portugal em fevereiro para estudar durante 6 meses com visto de estudante e gostaria de saber se é possível dar entrada na cidadania por lá, pois ouvi dizer que é mais rápido. Minha avó é de Lisboa, entretanto a minha mãe não tirou cidadania ainda, pelo que vi na nova lei só poderei tirar quando minha mãe possuir a nacionalidade portuguesa, certo? É possível eu encaminhar os documentos da minha mãe quanto eu estiver em Portugal? Aceleraria o processo estando lá?
    Muito obrigada!!
  • @Marcela, vc poderá atribuir a nacionalidade da sua mãe e depois a sua.Verifique se sua avó casou no Brasil ou em Portugal.Para dar entrada no processo em Portugal vc terá antes que agendar uma data em umas das conservatórias listadas aqui no fórum.
  • Notícias relevantes, em especial com relação a prazo de conclusão. A questão de falsificação de documentos certamente tem um peso grande nos atrasos.

    http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/burocracia-atrasa-pedidos-de-nacionalidade-de-netos-de-portugueses-244616

    https://www.rtp.pt/noticias/pais/arguidos-da-operacao-livro-magico-do-sef-condenados_n1045094

    Esta é anterior a julho, mas interessante.

    https://www.rtp.pt/play/p3043/e289590/decisao-nacional
Entre ou Registre-se para fazer um comentário.