Reconhecimento por autenticidade

Boa tarde a todos.

Gente parece mentira mas estou há 2 anos tentando agilizar para minha sogra de fazer a cidadania dela. Consegui convencer. Aí fui no site do consulado para ver se mudou alguma coisa (porque precisa fazer o reconhecimento por autenticidade do formulário e da prova de vida né. Quando olhei lá, estão cobrando 105 ou 109 Reais por documento.

É isso mesmo ou eu que confundi?

Porque o maior dilema era trazer ela aqui para o Rio para assinar e agora tem essa despesa… :’(

«13

Comentários

  • editado September 12

    @Tatisp1984

    Boa tarde,

    Vc confundiu duas informações: ou você assina no Consulado da região da Requerente

    Ou

    Pode fazer a abertura e reconhecimento de firma pir AUTENTICIDADE em qualquer cartório habilitado, geralmente os de notas e de registro civil.

    O mesmo vale para a prova de vida, se a Requerente estiver na faixa dos 80 anos.

    Se for o caso, escolha um habilitado para fazer o apostilamento de haia, pois a PV cartorial deve ser apostilada.

    Deixe a lista completa de docs que pretende enviar no tópico de filhos netos, etc., que alguém verifica para você.

    Abraços

  • editado September 12

    Olá!

    Então… eu li aqui no fórum em algum lugar que eu não estou mais achando que o reconhecimento por autenticidade no consulado era melhor aceito e por isso ficamos inseguros de fazer num cartório.

    Então para a conservatória será a mesma coisa?

    Ela tem 72 anos.

  • A documentação eu já tenho anotada aqui um tempão rs só esperando... é fogo rs


    1 - Certidão de nascimento da minha sogra, POR CÓPIA REPROGRÁFICA, com Apostila de Haia (no Rio custa uns 55 reais a apostila e o valor da certidão depende do ano do nascimento);

    2 - Cópia autenticada e com Apostila de Haia, do documento de identidade - RG, CNH ou passaporte onde conste a filiação. O documento tem que ser emitido há menos de 10 anos;

    3 - Cópia simples do assento de nascimento do português, pedida pelo civil online, ao custo de 10 euros. 

    4 - Formulário 1 C impresso colorido, frente e verso, preenchido e com a assinatura reconhecida POR AUTENTICIDADE;

    5 - Pagamento do valor de 175 euros, preferencialmente por cartão de crédito, que não perderá a validade como o Vale Postal. Pode usar o cartão internacional de qualquer pessoa, tomando cuidado para colocar o nome de sua sogra como Requerente. No caso de pagar com cartão de crédito, vão mandar um Formulário 1C que valerá como recibo. Pode utilizar este formulário para preencher e autenticar a assinatura. Mas, se já tiver feito outro, mande este como recibo, em branco.

    6 - Se tiver mais de 80 anos, precisa de Prova de Vida (Nesse caso quero fazer pra evitar problemas)

    Envio da documentação para o Arquivo Central do Porto (DHL). Não precisa transcrever o casamento dos pais da minha sogra pois o pai dela a registrou...

  • Qq pessoa pode ir no cartório fazer esses dois?

    1 - Certidão de nascimento da minha sogra, POR CÓPIA REPROGRÁFICA, com Apostila de Haia

    2 - Cópia autenticada e com Apostila de Haia, do documento de identidade - RG, CNH ou passaporte onde conste a filiação. O documento tem que ser emitido há menos de 10 anos;

  • editado September 12

    @Tatisp1984 Boa tarde!

    No final do mês passado entrei em contato com o Consulado Geral de Portugal em São Paulo e o que me informaram foi que não existe nenhum custo para a assinatura presencial do formulário:

    Eu havia pensado em fazer o reconhecimento da assinatura no Consulado pois li no fórum que servia como prova de vida, porém o que o consulado disse não foi bem assim:

    Então optei por reconhecer a firma no cartório por autenticidade no cartório da cidade e evitar o custo do deslocamento até a capital (estou no interior do estado). Mandei sem prova de vida (minha avó, a requerente, tem 80 anos) e só vou enviar se solicitado pela Conservatória (nesse caso não há custo para fazer a prova de vida no Consulado).

    A certidão de nascimento de sua sogra, bem como a cópia autenticada do RG e as apostilas podem ser solicitadas por qualquer pessoa. O único detalhe é que será necessário preencher e assinar um requerimento quando da solicitação da certidão de nascimento, é um procedimento de praxe para emissão de certidões em inteiro teor.

    Abraço!

  • Poxa Obrigada!

    Então será que é melhor eu enviar sem prova de vida mesmo? Porque ela tem 72 anos... mas de qq forma teria que assinar o formulário 1C por autenticidade né...

  • @Tatisp1984

    Olhe o topico que ensinasi re a marcação de membros.

    E sobre esse valor, eu sugiro vc gazer uma visita ao Consulado e depois levar a pessoa idosa.

    ===

    72 anos não demanda prova de vida, de acordo com as informações mais atuais.

    ===

    Então para a conservatória será a mesma coisa?

    Vc tem os dois caminhos que eu te disse antes.

    ===

    Sobre os documentos:

    A documentação está bem completa.

    Olhe isso:

    1) Vc tem que mandar a certidão de casamento da Requerente em inteiro teor digitada, sem apostilar* para justificar a diferença de nome entre a certidão de nascimento e o RG.

    * Pode apostilar, se n quiser correr o risco.

    2) Acho que não precisa de PV.

    3) Para ser caso de dispensa, o português deve ter de casado no Brasil com uma não-portuguesa e ter declarado o nascimento do filho antes deste ter completado 1 ano.

    O processo levará 6 meses, em média.

    4) Use um cartão Visa.

    5) No caso de pagar com cartão de crédito, vão mandar um Formulário 1C que valerá como recibo. Pode utilizar este formulário para preencher e autenticar a assinatura. Mas, se já tiver feito outro, mande este como recibo, em branco.

    Não é o formulário que é o recibo e, sim o email em que veio o formulário.

    Imprima-o e o envie com o processo. mencione esse email no campo outros docs,junto com o Rg, a certidão de casamento e outros docs adicionais.

    ===

    Qq pessoa pode ir no cartório fazer esses dois? 1 - Certidão de nascimento da minha sogra, POR CÓPIA REPROGRÁFICA, com Apostila de Haia 2 - Cópia autenticada e com Apostila de Haia, do documento de identidade - RG, CNH ou passaporte onde conste a filiação. O documento tem que ser emitido há menos de 10 anos;

    Sim, e nem precisa ir.

    É possível pedir pelo correio.

    A emissão leva 5 dias úteis.

    A requerente só precisa assinar formulários para portugal e prova de vida.

    Abraços

  • @NivaldoJr

    Excelente informações, amigo.

    No seu caso, pela idade, eu teria enviado uma Prova de vida feito no Cartório.

    Mas, teve a questão do dia 31/08 e o inicio do processo com o envio.

    Fique preparado para uma exigência e veja os cartórios mais pertos de você, que façam o apostilamento.

    E até lá, é provável que o sistema eletrônico já esteja em vigor e não haja a necessidade pagar uma nova remessa por DHL.

    Abraços e mais uma vez, obrigado!

  • Muito obrigada mais uma vez :)

  • Oi @guimoss,

    Então, até pensei em fazer a Prova de Vida no cartório. Mas os tabelionatos aqui da cidade disseram que essa Prova de Vida não seria um "documento simples" no qual eles atestam que minha avó está viva e saudável.

    Me informaram que o que deveria ser feito era uma Ata Notarial, já que "a Ata Notarial é o instrumento público no qual o tabelião documenta, de forma imparcial, um fato, uma situação ou uma circunstância presenciada por ele, perpetuando-os no tempo".

    O valor da Ata Notarial (isso aqui no município, pois há variação de acordo com o ISSQN) é de R$ 531,11 pela primeira folha e R$ 268,19 a mais por cada página adicional. Imaginando que eles fizessem em apenas uma folha, o total seria de R$ 667,53, já que teria também o apostilamento ( + R$ 136,45). Fica mais barato eu ir até a capital, fazer a Prova de Vida no Consulado (caso caia em exigência, e imagino que irá cair) e enviar via DHL.

    O Consulado informou que nada impede a Conservatória de solicitar nova Prova de Vida mesmo mandando a antecipada, e pra ajudar teve a questão do dia 31/08, assim optei por enviar sem a PV mesmo.

    Depois do envio encontrei aqui no fórum uma postagem da @mabego dizendo que a Prova de Vida só é feita se Portugal solicitar: https://forum.cidadaniaportuguesa.com/discussion/comment/297385#Comment_297385, aí fiquei mais tranquilo :D

    Abraços!

  • É… a gente vai fazer sem prova de vida mesmo. Se cair em exigência a gente envia.

    Alguém sabe dizer a validade da prova de vida?

    Tambem queria saber caso caia em exigência, se pode transcrever o casamento dos pais da minha sogra depois.

    Quem registrou ela foi o pai dela. O consulado diz que primeiro tem que transcrever o casamento dos pais dela e informar o óbito dele para depois dar entrada na cidadania dela. Mas pelas coisas que eu li aqui, parece que se ela foi registrada pro pai dela (português) não precisa transcrever o casamento dos pais dela…

  • editado September 13

    @NivaldoJr

    Prova de vida só se Portugal solicitar. Pois no momento da análise dos documentos pelo conservador, eles querem uma atualizada (se for o caso).

    Havia uma exigência antiga que era para envio, assim como o histórico escolar...

  • @mabego foi o que eu sempre pensei, só se Portugal pedir a prova de vida, não adianta mandar pq quando a gente reconhece o formulário já e feita reconhecimento por autenticidade

  • @NivaldoJr

    Entendi o seu pensamento e ele faz sentido e no seu lugar, eu teria feito o mesmo no seu caso.

    Por outro lado, acho que a PV será pedida.

    Tente ver se os registros civis fazem. Ou um cartório de notas diferente.

    O termo técnico é uma escritura pública declaratória.

    E os valorea mencionados me pareceram bem caros.

    ===

    Qual o seu Estado/município?

    E sobre a apostila, vc poderia mandar para o RJ, SC ou DF ou na cidade fora de SP mais perto de vc.

    Vc tem que ponderar o custo x saúde do idoso.

    ===

    E se cair em exigência, é certo que o Consulado fará.

    Eles fazem nesses casos.

    Boa sorte no seu caso!

  • @Tatisp1984

    No seu caso, as chances de pedirem a PV sao mínimas.

    ===

    Alguém sabe dizer a validade da prova de vida?

    Essa é uma pergunta interessante.

    Os documentos brasileiros feitos em cartório valem por um ano.

    Então, se vc for enviar - desnecessário, a neu ver - deixe por último,para ela ser bem recente qdo o processo for recebido em PT.

    ===

    Tambem queria saber caso caia em exigência, se pode transcrever o casamento dos pais da minha sogra depois.

    Pode, sim.

    Mas, é sempre melhor enviar antes.

    Houve casos - olhe as últimas páginas do tópico de netos (post do Nilton Hessel) - em que a transcrição não foi pedida, mas não é o comum até aqui.

    E como o seu caso de filha de portugueses, vc saberá rapidamente em caso de problemas.

    É com vc!

    ===

    Quem registrou ela foi o pai dela. O consulado diz que primeiro tem que transcrever o casamento dos pais dela e informar o óbito dele para depois dar entrada na cidadania dela.

    Os Consulados são mais burocráticos que as Conservatórias e sempre pedem mais documentos.

    Casamento é pedido em algumas situações. O óbito, quase nunca, exceto se houver um segundo casamento, o que demanda a transcrição do óbito do 1° nubente.

    ===

    Mas pelas coisas que eu li aqui, parece que se ela foi registrada pro pai dela (português) não precisa transcrever o casamento dos pais dela

    Te respondi no item 3 da msg abaixo:

    https://forum.cidadaniaportuguesa.com/discussion/comment/302710/#Comment_302710

    Não estando ali, a transcrição é obrigatória.

    ===

    Por fim, vc não fez a marcação. A suas msgs podem se perder.

    Boa sorte!

  • @arthurmartinelli

    Boa tarde,

    Mas acho que vc está falando de duas coisas distintas, amigo.

    Nem o reconhecimento em cartório, nem o RG recente e pelo que o @NivaldoJr divulgou acima, nem a assinatura no Consulado pode substituir a PV.

    As chances de exigência aumentam se não enviar PV do Requerente com idade avançada.

    Tem o fato de, em processos demorados, voltarem a pedir uma nova PV, mas se nao enviar desde o inicio nas circunstâncias aqui discutidas, a exigência será praticamente certa.

    A hipótese da PV tem que ser pensada, a meu ver, nas mesmas hipóteses de prioridade automática por idade (+76), pelo trâmite mais acelerado.

    O razoável é enviá-la aos 80 anos.

    Abraços

  • Gente bom dia.

    Não estou conseguindo achar o formulário no site deles. Só acho esse: https://irn.justica.gov.pt/Portals/33/Impressos/Nacionalidade/Modelo%201C%20-%20maior%20de%2018%20anos.pdf?ver=2019-06-06-151615-410. Eu ia escrever lá mas a discussão lá tá fechada.

    Quando eu vou lá embaixo nesse formulário, diz que tenho que enviar para Lisboa mas eu queria enviar para o Porto porque é mais rápido.

    Outra coisa também... a minha sogra é divorciada e voltou com o sobrenome de solteira. Lá pede para colocar o estado civil dela. Será que vai dar problema? Escrevo divorciada mesmo?

  • https://forum.cidadaniaportuguesa.com/discussion/4077/manual-de-como-preencher-formulario-1c-maiores-menores-e-procuracao/p1

    Gostaria de saber também se esse passo a passo está atualizado e qual dos dois eu tenho que imprimir. Eu clico e só me direciona para a página do site e não para imprimir a folha.


  • editado September 14

    Consegui entender que o formulário é esse mesmo. Mas aí a gente preenche lá como divorciada (atual dela) ou como solteira (porque pela ordem cronológica seria: solteira-casada-divorciada)?

    Edit: Gente desculpem, estou nervosa. Vou pedir para não apagar esse post porque eu toda hora venho aqui e leio. Já pagamos para pedir a certidão e agora vou imprimir o formulário. Vou colocar divorciada mesmo, eu meio que viajei em perguntar se é para colocar como solteira ou não..

  • editado September 14

    @Tatisp1984

    (seu processo é de neto ou de filho? neto = 1D - filho = 1C. atenção no formulário certo)

    É… a gente vai fazer sem prova de vida mesmo. Se cair em exigência a gente envia.

    Não envie prova de vida, pois o momento de Portugal pedir a PV é no momento da análise pelo conservador. Isto custa caro e se vc enviar antes vai gastar duas vezes.

    Alguém sabe dizer a validade da prova de vida? respondido acima

    Tambem queria saber caso caia em exigência, se pode transcrever o casamento dos pais da minha sogra depois. Pode, mas se o português foi declarante do nascimento dela... não precisa. (a não ser que tenha divergência dos nomes)

    Consegui entender que o formulário é esse mesmo.

    @Admin onde está o link com os formulários para ela corroborar?

    Mas aí a gente preenche lá como divorciada (atual dela) ou como solteira (porque pela ordem cronológica seria: solteira-casada-divorciada)? nome como solteira, como está na sua certidão de nascimento... (ninguém nasce casado) e envie certidão de casamento de inteiro teor digitada (com averbações) SEM APOSTILA para servir como apoio caso o RG ou passaporte esteja com nome de casada.

    Edit: Gente desculpem, estou nervosa. Vou pedir para não apagar esse post porque eu toda hora venho aqui e leio. Já pagamos para pedir a certidão e agora vou imprimir o formulário. Vou colocar divorciada mesmo, eu meio que viajei em perguntar se é para colocar como solteira ou não.. resposta acima

  • editado September 14

    @Tatisp1984

    O formulário vc recebe por email, depois que fizer o pgto por cartão de crédito internacional visa.

    Ele vem personalizado com o nome e email do Requerente*.

    * Esse ultimo pode ser o email de outra pessoa que irá acompanhar o processo.

    ===

    Essa questão do Estado civil me confunde um pouco.

    Eu sugiro uma pesquisada aqui no forum ou por posts nesse sentido no google.

    Já está bem explicado.

    ===

    Sobre o passo a passo, deixe as suas dúvidas no topico geral, pois o pessoal pode te ajudar.

    O de filhos - o seu caso, imagino - é o mais movimentado do fórum.

    Qualquer dúvida, é só perguntar.

    Abraços

  • @mabego obg! Pensei que teria que colocar como divorciada… quanto ao nome dela está como solteira nos documentos, ela voltou a usar nome de solteira aí não precisará da certidão de casamento…

    é atribuição de pai pra filha mesmo…


    @guimoss obg! Vdd nem tinha me lembrava que o formulário sai quando pagamos… eu tinha lido sobre isso. Que podemos imprimir separado pra caso errar ter como fazer outro…

    Eu fiquei em dúvida pq se eu realmente coloco no formulário que ela é divorciada vai render mais ainda. @mabego nesse caso eu colocaria solteira pq é pela ordem cronológica das coisas né ?

  • @Tatisp1984

    eu sou casada.

    Meu RG está com nome de casada.

    No formulário preenchi com nome de solteira (como na certidão de nascimento).

    Preenchi que sou casada.

    Enviei certidão de casamento pois o nome no RG está de casada.

  • editado September 14

    @Tatisp1984

    Há opiniões divergentes da @mabego sobre a questão do nome de casada x nome de solteira.

    Uma delas:

    https://forum.cidadaniaportuguesa.com/discussion/comment/287923/#Comment_287923

    Em virtude da discordância, eu sugiro vc pesquisar mais a fundo por aqui e decidir o melhor para você.

    Eu tb sugiro que vc faça o mesmo com o Estado civil.

    Abraços

  • editado September 14

    @guimoss Obrigada! Perguntei lá.

    @mabego Obrigada! No caso dela, ela é divorciada com nome de solteira. Estou em dúvida a melhor forma de se fazer.

    :(

  • @Tatisp1984

    @mabego

    Esse tópico discute a questão do Estado civil:

    https://forum.cidadaniaportuguesa.com/discussion/17287/estado-civil-separada

    Talvez, se aplique a você.

    Há vários. É só buscar.

    Abraços

  • @guimoss Obrigada estou olhando...

  • Como acho esses tópicos? Eu coloco em pesquisar na lupa mas não acho nada falando sobre estado civil divorciada...

  • É... lá diz para colocar o estado civil atual... vou colocar nome dela de solteira e estado civil divorciada mesmo. Tomara que eles não peçam a transcrição do casamento da minha sogra... :(

    Mas é melhor colocar assim e cair em exigência com chances de consertar do que fazer divergente e perder dinheiro...

Entre ou Registre-se para fazer um comentário.