Cidadania por neto

Boa tarde, prezados. Sou novo por aqui, então se tiver infringindo alguma regra eu peço desculpas desde já. Me interessei recentemente por tirar a nacionalidade portuguesa. Meus avós paternos são portugueses, porém meu pai até hoje não se interessou em fazer. Tenho algumas dúvidas, por que procurando pela internet, há muita informação diferente e aqui por ter pessoas que fizeram o mesmo procedimento, acredito que vá conseguir.

  • Em um primeiro momento, em termos de prazo, vocês acham interessante eu insistir com meu pai pra ele tirar a dele e posteriormente eu tirar a minha por ele ? Ou não faz tanta diferença se eu tirar diretamente como neto ?
  • Se eu for realmente fazer diretamente do meu avô, eu não precisaria transcrever o casamento deles por que meu primo já fez esse procedimento, então seria apenas enviar os documentos (Certidão de nascimento dele, do meu pai e minha (por inteiro teor), com antecedentes criminais e passaporte, além do pagamento ?
  • Esses documentos meus precisam do apostilamento de Haia, certo ?
  • Preciso enviar histórico escolar, da faculdade e diplomas ? Ou não há a necessidade ?

Agradeço muito a todos desde já. 

«1

Comentários

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @João_Gomes , respondendo às suas questões:

    • Em um primeiro momento, em termos de prazo, vocês acham interessante eu insistir com meu pai pra ele tirar a dele e posteriormente eu tirar a minha por ele ? Ou não faz tanta diferença se eu tirar diretamente como neto ? Extremamente mais rápido e fácil fazer a atribuição do seu pai e depois a sua. Cada processo levaria uns 6 meses, no Arquivo Central do Porto. Como neto, cada processo leva de 24 a 29 meses, e só tramita em Lisboa.
    • Se eu for realmente fazer diretamente do meu avô, eu não precisaria transcrever o casamento deles por que meu primo já fez esse procedimento, então seria apenas enviar os documentos (Certidão de nascimento dele, do meu pai e minha (por inteiro teor), com antecedentes criminais e passaporte, além do pagamento ? Sim
    • Esses documentos meus precisam do apostilamento de Haia, certo ? Sim, exceto a certidão de antecedentes. Imprima a certidão e, no verso, a validação. Os links estão na mesma página da Polícia Federal.
    • Preciso enviar histórico escolar, da faculdade e diplomas ? Ou não há a necessidade ? Não há necessidade

    Convença seu pai a fazer a nacionalidade. É simples e nem sai tão caro assim, em relação ao legado que deixará para seus descendentes.

  • Muito obrigado, LeticiaLele


    Vou tentar convencer ele a fazer, devido a diferença abismal de prazos. Muito obrigado mais uma vez !

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @João_Gomes , faça por ele! Ele só precisa assinar o formulário no Cartório, para reconhecer a firma por autenticidade!! Fiz isso com minha mãe!

    Dividi as despesas com meus irmão - da atribuição e da transcrição de casamento.

  • CintiaHSCintiaHS Member

    @Leticialele, viu seu comentario sobre o pedido da cidadania atraves de um avo. Entao eu so posso enviar para Lisboa, nao para o Porto? Arquivo Central de Porto eh somente para filhos de portugueses? Obrigada.

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @CintiaHS , processos de netos só tramitam, até o presente, em Lisboa, na Conservatória dos Registos Centrais

  • @Leticialele eu vou tentar fazer isso mesmo. Infelizmente meus irmãos não se interessam pra dividir comigo as custas rsss mas eu acho um investimento bem válido. Vou procurar fazer isso o mais rápido possível. Muito obrigado mais uma vez pelos esclarecimentos.

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @João_Gomes , então, cobre deles para dizer como se faz o processo!! hahahahaha

    Devem querer tudo de mão beijada. Sei bem como é!!

  • Gente, tenho uma última dúvida: o formulário, é só assinar no cartório e reconhecer a firma por autenticidade? Não precisa apostilar? Nem reconhecer a firma de quem reconheceu a firma... (nunca sei muito bem onde isso pára...)

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @MarcioArese , o Formulário tem que ter a assinatura reconhecida por AUTENTICIDADE, não precisa apostilar. É um documento português. Preste bastante atenção no selo que o Cartório colocar, certifique-se de que está escrito "Autenticidade"

  • @Leticia54 Obrigado! Agora vou lá no site tomar a facada de 1000€ (499€ x2)... snif snif

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @MarcioArese , desculpado por ter trocado meu nome. Não é o primeiro!

    Por que mil euros?????

  • @Leticialele Oh, sorry, apareceram várias Letícias... errei na mira.

    Porque 499 euros foi o que meu amigo que enviou documentação recentemente disse que pagou. Bem, ainda não fui lá verificar o preço correto, mas como o preço ia subir no fim do ano, achei que era isso. 1000 euros porque vou pagar a do meu irmão também...

    O caminho para pagamento e liberação do formulário ainda é o crcpagamentos.irn.mj.pt ?

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @MarcioArese , certamente seu amigo pagou a uma "assessoria especializada". Hahaha

    Oe emolumentos de cada processo de neto são 175 euros!

    Você vai gastar com as certidões, o apostilamento, o reconhecimento da firma por autenticidade no formulário e com o envio!

    Não vai chegar a 2 mil reais cada um!!!!!

    O link para pagamento é https://crcpagamentos.irn.mj.pt/pagvisamc.aspx?productid=NAC1D

    Pode usar o cartão de crédito de qualquer pessoa. Mas, dado o sistema de segurança atualmente usado pelo IRN, muito mais moderno que o dos bancos brasileiros, use o cartão virtual do app do seu banco ou outro tipo Nubank.

    Você paga, após a confirmação do pagamento recebe por email o formulário 1D com o recibo impresso no cabeçalho, imprime frente e verso colorido, preenche sem rasuras e leva ao cartório para assinar e reconhecer a firma por autenticidade.

    Pronto, já fez uma super economia! Vai dormir mais feliz, tenho certeza.

    Boa sorte!!

  • @Leticialele Ah, ufa! Deve ser isso mesmo. Então o valor ainda não subiu, como estavam dizendo que subiria.

    Já estou com os documentos, só faltando pegar na terça a cettidão de casamento de minha mãe (que era a filha do meu avô português). Eu cheguei até a dar entrada num processo de retificação do nome dos meus avós na certidão de casamento da minha mãe, porque lá constam os nomes de solteiro deles (talvez porque quando minha mãe nasceu eles eram solteiros), mas o pessoal não estava entendendo porque eu queria isso e não estavam entendendo muito bem. Resolvi mandar como está mesmo. Acho que não vai dar problema porque a certidão de casamento dos meus avós contém os nomes dos filhos, que já eram todos nascidos.

    Se a identidade está com mais de 10 anos vale mandar a cópia dela e mais o passaporte ou só o passaporte?

    Wish me luck!

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @MarcioArese , se o passaporte tiver filiação, mande só o passaporte

    Boa sorte!!

    Lembre que os documentos não podem ser compartilhados!

    Cada processo tem que ir completo. Separe o seu e o do seu irmão por um envelope e coloque os dois juntos no envelope de envio da DHL.

  • @Leticialele Obrigado por tudo! Tentando desenrolar o pagamento, porque o Banco do Brasil é meio duro pra essas coisas. Criei um cartão virtual mas o IRN está acusando algum problema. Estou ligando pro banco pra ver qual foi.

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @MarcioArese , a tentativa de pagamento nem chega a aparecer nos registros do Banco.

    Veja se consegue um cartão virtual.

  • @Leticialele o problema foi excesso de zelo do banco: criei um cartão virtual para 2 operações mas julgaram a transação suspeita. Já estão liberando.

    Essa cidadania vai ser muito comemorada, porque está sendo um verdadeiro parto kkk

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @MarcioArese , duas operações seguidas com o mesmo valor levantam suspeita. Ainda bem que os Bancos agem assim!!

    Toda cidadania deve ser muito comemorada!!

    Boa sorte, para você e seu irmão!!

  • Boa tarde!

    Sou neto de português, meu pai já tem a cidadania por atribuição e agora iniciarei o meu processo. No meu caso, qual a melhor conservatório pra envio da documentação?

    Desde já agradeço!

  • @gandalf muito obrigado!

  • LiviabLiviab Member

    @Leticialele Boa Tarde, me chamo Lívia e tenho um grande desafio pela frente.

    Estou começando o processo de nacionalidade por atribuição da minha mãe, porém antes dela preciso tirar a do meu avo por ser neto de português. Mas tenho 2 agravantes: Tanto o português( bisavô da minha mãe), quanto avô da minha mãe e o pai da minha mãe ja faleceram. Como proceder? Quais documentos necessários? Preciso fazer transcrição de óbito para os 3? Com a nova lei facilitando a comprovação de vínculos com Portugal para bisnetos e netos através do domínio da língua portuguesa como ficaria na situação deles que ja faleceram?

    Conseguiria tirar da minha mãe como bisneta diretamente? Teria que apresentar quais documentos?


    Conto muito com sua ajuda, to super perdida com tantos óbitos e graus de parentescos..


    Beijos

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @Liviab , a Lei de Nacionalidade não prevê a cidadania para bisnetos!

    No seu caso, só seria possível se o neto do português (pelo que eu entendi, o pai da sua mãe) fosse vivo.

    Infelizmente, no seu caso, até o presente momento, não é possível a cidadania, a não ser por outro artigo da Lei de nacionalidade (tempo de residência, casamento, descendente de judeu sefardita, por exemplo)

  • xandeacfxandeacf Member

    Olá! @Leticialele Boa noite!

    Por favor, preciso de uma ajuda. Inicialmente não conhecia o fórum e dei início na reunião de documentos com base nas informações do site do consulado, porém estou com várias dúvidas. Inclusive já apostilei os documentos e paguei a taxa de 175 euros. Fui um pouco precipitado.

    Sou Neto de português (pai da minha mãe) e pretendo tirar a cidadania nesta modalidade. Minha mãe não tem a cidadania e não pretende. Meu tio, irmão dela, já tirou a dele há anos.

    Tenho que enviar a certidão de nascimento de meu avô no processo? No site do consulado diz que não há necessidade, mas andei lendo diferente por aqui. Tenho uma cópia simples de sua certidão lá de Portugal apenas. Quanto ao casamento dele com a minha avó, brasileira, aqui no Brasil, tem algo a ser feito?

    Minha mãe se casou, divorciou e casou de novo aqui no Brasil. O nome dela nos meus registros constam como do primeiro casamento. Na certidão de nascimento dela consta de solteiro obviamente. Devo fazer algo quanto a isso?

    Já tenho as certidões de nascimento minha e da minha mãe em inteiro teor e fotocópia.

    Acabei de tirar estes documentos apostilados e receio perder a validade caso tenha que fazer algum ajuste demorado quanto as dúvidas acima.

    Como já paguei a taxa de 175 euros para nacionalidade por neto, imagino que não posso tirar a da minha mãe primeiro para depois tirar a minha (o que parece mais recomendável lendo aqui). Mas nao tenho pressa.

    Desculpe se forem perguntas óbvias mas mesmo lendo vários tópicos, ainda estou com dúvidas. Muito obrigado.

  • LeticialeleLeticialele Member, Moderator

    @xandeacf , a solução mais rápida para você obter sua cidadania portuguesa será se sua mãe tirar a dela primeiro.

    Levaria uns 6 meses, depois você transcreveria o casamento dela em Portugal e mandaria seu processo. Em 1 ano, seria português.

    Como neto, ainda não temos ideia de como será o andamento, mas no começo, não se espera muito menos do que 2 anos.

    Sugiro que você faça a atribuição de sua mãe, primeiro. Para isso, mande um email para rcentrais.admin@irn.mj.pt e pergunte o que pode fazer com o pagamento já feito, como neto. Pergunte se pode usar para o processo de sua mãe OU se pode aguardar para usar no seu. Seja sincero e gentil. Eles costumam responder rápido.

    Para o processo de atribuição como filho, basta mandar:

    Cópia simples da certidão de seu avô - se estiver informatizada, basta mandar o número. Seu tio deve saber.;

    Certidão de nascimento por cópia reprográfica apostilada de sua mãe;

    Certidão de casamento inteiro teor APENAS para comprovar a troca de nome SE OS DOCUMENTOS ATUAIS ESTIVEREM COM O NOME DE CASADA. Se estiverem com o nome de solteira, não precisa.

    Cópia autenticada e apostilada da identidade, CNH ou passaporte que contenha a filiação; e

    Formulário 1C impresso colorido, frente e verso, impresso sem rasuras, com a assinatura reconhecida por autenticidade. (Se o IRN autorizar, você imprime o formulário 1C e anexa, como recibo de pagamento, o formulário 1d com o recibo de pagamento, que vem no email. Junte cópia da resposta do IRN à sua questão, pois, se eles permitirem, como o valor é o mesmo, não precisa fazer outro pagamento imediatamente.)

    Mande tudo para o Arquivo Central do Porto, por DHL, que é muito maus segura e garantida que os Correios, em especial nesses tempos de pandemia. Em 6 meses, sua mãe será portuguesa.

    Guarde os documentos que você já tirou. As certidões brasileiras têm validade de 1 ano entre a emissão e a numeração do processo. Se você fizer tudo logo, ainda poderá aproveitar para o seu processo de filho!!

    Aprovado o processo dela, vai transcrever o casamento dela (não precisa homologar o divórcio) para fazer a sua cidadania. Mas pode mandar os documentos no mesmo dia. A transcrição para um Consulado ou Ponta Delgada e seu processo para o ACP. Quando forem analisar seu processo, a transcrição estará pronta e aparecerá como averbação na certidão de nascimento portuguesa dela.

    Se, no entanto, preferir fazer como neto, veja se ainda tem alguma dúvida e volte para perguntar.

    Boa sorte!!

  • xandeacfxandeacf Member
    editado April 7

    @Leticialele Obrigado pelas informações!

    Esta certidão não precisa de apostilamento? -- Certidão de casamento inteiro teor APENAS para comprovar a troca de nome SE OS DOCUMENTOS ATUAIS ESTIVEREM COM O NOME DE CASADA. Se estiverem com o nome de solteira, não precisa.

    Já mandei um email para eles sobre o pagamento, estou aguardando a resposta.

    Obrigado novamente!

  • LiviabLiviab Member

    @Leticialele Obrigada pela ajuda.

    Caso o pai da minha Mae estivesse vivo, meu avo. Qual seria os documentos necessários?


    Falo pois meu primo esta fazendo o mesmo processo para a mãe dele que tem o pai vivo.

  • LiviabLiviab Member


    @Leticialele creio que sejam esses os documentos:

    - Certidão de nascimento do requerente emitida por FOTOCÓPIA/reprográfica do livro de registros de nascimento, emitida a menos de um ano em INTEIRO TEOR, AUTENTICADA E APOSTILADA COM SELO DE HAIA.Se não estiver 100% Legível...Deve ser enviada também uma Certidão Digitada do mesmo registro...(Para auxiliar na leitura da via Reprográfica)...


    - Certidão de nascimento do progenitor (pai ou mãe) filho do cidadão português, emitida por FOTOCÓPIA/reprográfica do livro de registros de nascimento, emitida a menos de um ano em INTEIRO TEOR, AUTENTICADA E APOSTILADA COM SELO DE HAIA.Se não estiver 100% Legível...Deve ser enviada também uma Certidão Digitada do mesmo registro...(Para auxiliar na leitura da via Reprográfica)... Verifique se consta o nome do declarante do nascimento, e se a declaração foi feita na menoridade do seu progenitor;


    - Xerox simples da Certidão de nascimento ou assento de batismo do cidadão português.


    - Atestado de antecedentes criminais brasileiro (se for maior de 16 anos) . No site da PF, há dois links : um para a certidão e outro para a validação. Use o primeiro para imprimir a certidão e o segundo para imprimir a validação: http://www.pf.gov.br/servicos-pf/antecedentes-criminais/antecedentes-criminais-1

    Imprima a certidão, entre no link da validação e imprima no verso!!


    - Cópia AUTENTICADA E APOSTILADA COM SELO DE HAIA da carteira de identidade (RG). Se este não for recente, cópia autenticada e apostilada do passaporte (somente as página das quais conste assinatura, foto e identificação);


    - Requerimento 1D preenchido e assinatura reconhecida por autenticidade .


    Tenho 3 dúvidas:

    • o atestado de antecedentes criminais precisa ser apostilado e autenticado?
    • Caso o documento do requerente (RG ou passaporte) tenham sido tirados a mais de 10 anos, como devo prosceder? Tirar uma atualizada e ai sim anexar junto aos documentos? Por se tratar de ser o avo do meu primo ele não tem documentos tão atuais.
    • Por o avo do meu primo ter nascido no brasil, já é presumido o domínio da língua portuguesa ou preciso de algum documento especifico para isso ?


    Obrigada pela ajuda desde já.

  • LiviabLiviab Member

    @Leticialele uma outra duvida, estou lendo em alguns lugares que por ser neto de português e o filho do português esta morto a única forma de tirar a nacionalidade é por naturalização e não por atribuição . Fiquei super confusa pois aqui no tópico do fórum diz nacionalidade por atribuição para netos, mas no link aqui do cidadaniaportuguesa.com.br informa que é por naturalização. Qual seria o certo?

Entre ou Registre-se para fazer um comentário.